No próximo dia 8 de março, o Dia Internacional da Mulher vai ser comemorado de uma forma diferente em Aracaju. É o Pedal das Divas, um

passeio ciclístico promovido pela ONG Associação Ciclo Urbano, que conta com a parceria da Secretaria Estadual de Saúde, através da Coordenação de DST/AIDS e da bicicletaria Magazine Bike Show. A concentração será às 19h, no Calçadão da 13 de Julho. O passeio seguirá até a Passarela do Caranguejo, onde haverá distribuição de folheteria sobre saúde e trânsito.

“Há anos, as mulheres lutam pela liberdade, pela garantia de seus direitos, pelo respeito, pela saúde. E pedalar é sinônimo de liberdade e respeito a si mesmo, porque você exerce seu direito de ir e vir, do seu jeito, no seu tempo e ainda cuidado de sua saúde”, disse Elisângela Valença, assessora de Comunicação da Associação Ciclo Urbano.

Para participar do passeio, tem apenas uma regrinha. “Todo mundo tem que deixar a roupa de ciclista em casa. O dia 8 é um dia de festa, dia de comemorar a mulher, então, nada de roupa de ciclista, de atividade. Todo mundo participando no estilo cycle chic, que nada mais é do que pedalar com roupas comuns que a gente usa para trabalhar, passear”, acrescentou. E os rapazes também estão convidados. “O passeio é pelo dia da mulher, mas o pedal é para todos”, finalizou.

Cycle chic

A cultura cycle chic começou oficialmente quando o fotógrafo Mikael Colville-Andersen resolveu reunir num blog as fotos que fazia pelas ruas de Copenhague, capital da Dinhamarca, de homens e mulheres pedalando com estilo, acompanhando as tendências da moda, e se deslocando pelas ruas da cidade para o trabalho, a escola, a faculdade. O termo ‘oficialmente’ não foi à toa. Há anos, os europeus usam a bicicleta como meio de transporte nas cidades, como uma forma consciente e cidadã de tornar as cidades mais humanas e limpas, como devem ser.

A foto que foi considerada o início de tudo é de um momento simples: uma garota esperando o sinal abrir, muito bem vestida, com sua bolsa presa ao bagageiro, indo para qualquer lugar na cidade, de bicicleta.

No Brasil, o maior movimento cycle chic está na cidade de Curitiba. Conheça mais sobre o cycle chic nos blogs Curitiba Cycle Chic e Copenhagen Cycle Chic.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *